black friday |

E se eu não quiser participar da Black Friday?

Situações em que é mais seguro não fazer nenhuma promoção na sua loja Uma das vantagens de vivermos em um país livre é o poder de escolha para participar ou não de promoções

Keslen Deléo

Keslen Deléo

Situações em que é mais seguro não fazer nenhuma promoção na sua loja

Uma das vantagens de vivermos em um país livre é o poder de escolha para participar ou não de promoções como a Black Friday, né não? Por mais que todo mundo incentive as lojas virtuais a darem descontos e aproveitarem essa data para vender mais, às vezes o tiro pode sair pela culatra e o que seria uma ação de divulgação bacana se torna um pesadelo. Por isso, baseados nesse artigo da Exame.com, vamos falar dos casos em que é mais prudente não fazer nenhuma promoção de descontos na sua loja virtual.

As vantagens de promoções como a Black Friday são muitas e, entre elas, está principalmente a de fidelizar os clientes que sua loja já tem (com ofertas diferenciadas e exclusivas), enquanto conquista novos compradores (aproveitando o maior movimento). O primeiro argumento contrário à participação da sua loja é a falta de planejamento. Ainda que para quem tenha pensamento forte o impossível seja só uma questão de opinião algumas ações possam ser realizadas sem muito planejamento nem antecedência, você estará competindo com outros lojistas que já estão pensando nisso há meses. Além disso, o planejamento assegura tempo para a compra de produtos, melhores planos de envio e divulgação etc.

Se o servidor da loja não estiver zero bala, também não é muito indicado atrair movimento para o seu ecommerce (essa é uma parte de que cuidamos especialmente aqui na minestore para você não ter problemas!). Sites que saem do ar são muito frustrantes, principalmente quando o cliente estava querendo aproveitar aquele preço campeão. Isso é motivo suficiente para você perder um cliente para sempre, então é preciso ter muito cuidado. Outro ponto que impede muitos lojistas de oferecerem bons descontos é a** dificuldade de lidar com margens menores**. Pense bem: sua loja tem muitos custos operacionais, e é preciso repassar, de alguma maneira, esse valor aos clientes finais para garantir que você continuará com o negócio funcionando durante algum tempo. Por isso, pode ser um tiro no pé reduzir drasticamente o valor dos seus produtos como fazem as lojas virtuais gigantes e, assim, perder a margem de lucro com a qual você conta para tocar seu negócio (#vida de pequeno empresário).

O que é, sem dúvidas, pior do que não participar da Black Friday é fazer maquiagem de preços e aumentar o preço dos produtos dias antes, para dar descontos maiores. A polícia do desconto tem sido bem cruel com lojas que praticam essa contravenção (sério, existem apps e plug-ins que mostram a variação dos preços), e se o consumidor perceber uma fraude dessas, a imagem do negócio fica ameaçada para sempre. Outro ponto importante é corrigir todas as falhas antes da Black Friday e estar esperto para reagir rapidamente caso alguma coisa dê errado. Não ter tempo para ficar à disposição dos clientes durante a sexta-feira também pode prejudicar bastante a imagem da sua loja virtual, já que os consumidores normalmente querem respostas rápidas (mais ainda numa promoção de um dia só). O foco deve estar no relacionamento com o cliente durante toda a época de promoções e compras de fim de ano.