Marketing digital |

Confira 4 dicas de relatórios do Google Analytics

Preparamos 4 dicas muito importantes de relatórios do Google Analytics para te ajudar a gerenciar sua loja virtual.

Redação

Redação

Confira 4 dicas de relatórios do Google Analytics especialmente selecionadas para você tornar o gerenciamento da sua loja virtual mais eficiente. Levando em consideração alguns indicadores básicos, é possível verificar como sua loja está se saindo no mundo virtual.

Começando a entender

O Google Analytics é uma ferramenta do Google no qual você pode monitorar o tráfego do seu site e obter métricas importantes sobre o comportamento dos seus usuários, descobrindo as páginas mais acessadas, o tempo médio de navegação, a origem do tráfego (buscadores, acesso direto, redes sociais) e muitas outras variáveis. Veja como instalar o Google Analytics no seu site.

Embora ele seja fundamental para a análise de acesso de qualquer site, o Google Analytics é especial para quem tem uma loja virtual.  Por meio dele, é possível não só observar informações gerais dos acessos ao site, como também dados sobre quem está comprando ou ainda dar insights sobre os motivos de não estarem comprando.

Primeiramente, é importante lembrar que o Analytics deve estar configurado na sua loja, assim como, a opção de captura de dados. Desta forma, você conseguirá ver mais informações referentes aos pedidos efetuados.

1. Dados Demográficos

Por que é importante?

Porque você poderá entender melhor o perfil dos usuários que acessam o site, como informações de idade e sexo. Isso pode ser importante para entender se o público que está chegando ao site é realmente o público que deveria ver seus produtos.

Como acessar?

Público > Informações Demográficas > Visão Geral

Que informações analisar?

Ao ver as informações de sexo e idade por um determinado período, você poderá entender se os ajustes nas campanhas ou o direcionamento da publicidade da sua loja estão alterando o tipo de público que a acessa.

Ao selecionar os relatórios específicos, por idade ou por sexo, você poderá ver o comportamento mais detalhado de cada faixa de idade ou sexo. Também poderá ver as conversões em vendas e isso será muito importante para entender se a segmentação de mídia que você está usando está funcionando ou até descobrir que públicos que você não imaginava estão comprando na sua loja.

2. Origem e Mídia

Por que é importante?

Porque você terá uma visão geral de todas as formas que as pessoas chegam ao site. Seja acesso direto (direct / none), seja via busca orgânica (google / organic), ou pelas diversas referências, como por exemplo ofacebook.com. Você poderá ver qual canal traz pessoas mais qualificadas, bem como qual canal converte mais em vendas.

Como acessar?

Aquisição > Todo o tráfego > Origem / Mídia

Que informações analisar?

Veja qual a taxa de rejeição de cada canal. Os canais com menor taxa de rejeição provavelmente trazem pessoas mais qualificadas. Quando configurado o recurso de e-commerce, é possível ver qual canal gerou mais vendas e qual a taxa de conversões em vendas.

Assim, será possível ver qual deles é o mais relevante para investir em estratégias orgânicas ou pagas. Vale lembrar que a média de conversão de um e-commerce é de cerca de 1%, ou seja, de cada 100 visitas que uma origem trouxer, ela deve gerar 1 venda. Este pode ser um dos fatores que você poderá usar para entender qual origem gera melhores resultados.

Observação:

Ah, e se você não parametriza os links que apontam para o seu site (links compartilhados nos canais sociais, nas campanhas de e-mail marketing, banners de mídia paga ou parceria), por favor, comece a fazer isso já! Através da parametrização, você consegue ter uma visão mais clara deste relatório e saber exatamente como as pessoas estão chegando ao seu site e qual o comportamento delas.

3. Páginas de Destino

Por que é importante?

Porque você poderá ver quais páginas geram mais acesso e se estas páginas têm problemas de rejeição, bem como se elas efetivamente ajudam a vender mais.

Como acessar?

Comportamento > Conteúdo do Site > Páginas de Destino

Que informações analisar?

Olhar para todas as páginas. Você verá que, na maioria das vezes, a que gera mais tráfego para o site não necessariamente é sua home. Você verá a taxa de rejeição das páginas, mostrando quais delas as pessoas estão acessando, mas indo embora.

Estas páginas merecem atenção especial, pois estão fazendo as pessoas irem embora do seu site (geralmente acontece muito nas páginas com produto sem estoque). Você também poderá ver quais páginas estão vendendo mais e estão com maior taxa de conversão. Estas páginas podem ser potencializadas, enquanto as com pior taxa de rejeição merecem análise. Talvez melhorar a descrição, a imagem do produto e o preço resolvam o problema.

4. Tempo até a compra

Por que é importante?

Porque você descobrirá quanto tempo em média as pessoas demoram entre a primeira visita do site e a compra efetiva.

Como acessar?

Conversões > Comércio Eletrônico > Tempo até a compra

Que informações analisar?

Neste relatório, você descobrirá r que, provavelmente, a maioria das compras é realizada no mesmo dia. Isso não necessariamente é uma verdade, pois muitas pessoas olham a loja em um computador e acabam fechando a compra em outro, fazendo com que as informações fiquem um pouco distorcidas.

Mesmo desconsiderando isso, é possível olhar para este relatório e descobrir se seus consumidores fazem compras imediatas ou demoram alguns dias. Tal fato pode ser importante para você entender que não vale a pena se desesperar, pois, às vezes, os consumidores têm ciclo de compra de 15 a 30 dias.

Geralmente acontece com produtos de ticket médio maior, pois quanto mais caro o produto, mais tempo a pessoa demora para se decidir. Isso deve ser levado em consideração quando você pensar em promoções, mídia e campanhas de e-mail marketing.

Entendi!

Pronto, depois dessas 4 dicas, você se deu conta de que com as ferramentas certas, como no caso dos relatórios do Google Analytics, você pode bombar as vendas na sua loja e gerenciá-la de maneira mais eficaz, além de conhecer melhor o seu público.

Ih, mas ainda não tenho o Google Analytics. O que faço?

Bom, se você ainda não ativou o Google Analytics na sua loja da minestore, é hora de fazer isso. Veja como no artigo Como configurar o Google Analytics na minestore.