|

Como preparar sua loja virtual para a Black Friday

Veja como preparar sua loja virtual para a Black Friday, essa data que vem se incorporando cada vez mais ao nosso calendário e gerando muitas oportunidades de vendas.

Redação

Redação

Na última sexta-feira do mês de novembro acontece a famosa Black Friday, data que vem se incorporando cada vez mais ao nosso calendário e gerando muitas oportunidades de vendas e expectativas nos clientes. E com o fim do ano cada vez mais perto, é hora de planejar suas ações e preparar sua loja para as oportunidades que vêm por aí!

Mas afinal, o que é Black Friday?

A Black Friday é a última sexta-feira do mês de novembro, logo após o dia de Ação de Graças, um dos feriados estadunidenses mais importantes do ano. A data se tornou um dia especial nos Estados Unidos por representar o início das vendas para o Natal, com a adoção de muitas lojas que criaram a tradição de dar grandes descontos para movimentar o comércio.

Com o passar dos anos, a data deixou de ser apenas uma moda e se popularizou, colando também no varejo brasileiro. Embora não seja um feriado, muitas pessoas ficam ligadas neste dia nos principais descontos dados por lojas virtuais, por isso certamente a Black Friday precisa estar no seu radar.

E, se você resolver participar da Black Friday é de grande importância que sua loja esteja preparada para atender os clientes com muitas promoções e uma ótima experiência de compras.

Planejar tudo com antecedência

A grande vantagem de participar da Black Friday é que, em apenas 24 horas, seu faturamento pode ser muito maior do que em dias comuns. A desvantagem é que são apenas 24 horas (ou você pode escolher estender suas promoções por todo fim de semana)! E, para um grande número de vendas em tão pouco tempo, é preciso estar preparado.

Não é só chegar no dia e vender tudo com preço menor. Para obter um bom faturamento, é preciso planejamento das promoções que serão oferecidas e, também, que sua loja esteja preparada para os inúmeros acessos e com o estoque cheio para atender a todos, para não perder a oportunidade de vender!

Mas como fazer esse planejamento? Bom, destacamos quatro itens básicos que devem ser observados: cuide das promoções, do estoque, da propaganda e do pós-venda.

1. Faça promoções reais

Infelizmente, a Black Friday no Brasil também ficou conhecida como “Black Fraude”, devido a falsas promoções praticadas por alguns comércios. Muitos lojistas aumentam os preços algumas semanas antes para baixar na Black Friday, o que prejudica um pouco a imagem do evento. Pode ter certeza que essas lojas perdem seus clientes.

Então, a melhor ação a ser tomada, tanto nessa data, como em outras eventuais promoções, deve ser a da transparência e verdade com o consumidor que está interessado em adquirir seus produtos. Ele pode comprar um produto com um valor muito baixo dessa vez, mas em uma próxima necessidade, e por sua loja ter passado confiança, ele vai adquirir um produto com seu valor integral. Com a verdade e promoções reais todos têm a lucrar.

Mas atenção: calcule bem o quanto de desconto sua loja pode oferecer nos produtos escolhidos para fazer parte da promoção, para que, assim, a lucratividade compense seu esforço.

2. Cuide do estoque

Fique de olho no estoque para garantir que nada vai faltar no dia da Black Friday. Com o grande volume de consumidores, o estoque deverá estar cheio e disponível para atender a essa grande demanda.

3. Faça propaganda das promoções

Depois de cuidar dos bastidores da sua loja para a Black Friday, chegou o momento de cuidar da divulgação da sua loja e das suas promoções para essa data.

Por meio de e-mail marketing, Google Adwords, redes sociais e banners no site da loja, é possível fazer uma boa campanha de marketing para atrair os consumidores exibindo excelentes preços. Quanto antes começar a divulgação da sua loja virtual, melhor. Mas é importante aumentar a frequência das notificações conforme a data estiver se aproximando. Na semana da esperada sexta-feira, fique ainda mais próximo dos clientes para que eles não esqueçam da sua loja. Lembre-se também que assim como você, centenas de milhares de outras lojas estarão utilizando a data para alavancar as suas vendas.

Os anúncios com algumas promoções específicas podem ajudar os clientes a fazerem o seu próprio planejamento para poderem comprar o que desejam quando chegar a hora.

4. Não esqueça do pós-venda

A experiência de compra não termina quando o produto é entregue ao cliente, mas vai além. Ainda mais nessa data que o consumidor aguarda para conseguir um produto muito desejado por um preço abaixo da média. Então, caso haja algum problema com a entrega ou com o produto, isso deve ser resolvido com presteza para garantir a boa experiência do cliente e que ele volte a comprar outras vezes.

Eventuais situações como demora na entrega, produto com defeito ou insatisfação do consumidor podem acontecer, afinal não se pode controlar tudo, mas você lojista precisa estar disposto a resolver a frustração do seu cliente. E resolver com agilidade e transparência.

Vale lembrar que essa é provavelmente uma das datas do ano que muitos clientes novos vão chegar pela primeira vez na sua loja, então a primeira impressão precisa oferecer uma excelente experiência, não é mesmo?

Aproveite e lucre!

Toda a oportunidade de lucro é importante para a sua loja virtual. Sempre é hora de tentar aumentar as vendas e, com um bom planejamento, na Black Friday o lucro é certo. Então, aproveite as dicas e não fique de fora.

Prepare já a sua loja para esse dia tão especial desde agora!

blog-11

Leia também: 8 dicas para preparar seu e-commerce para a Black Friday