click bots |

Como lidar com cliques inválidos na rede de display do Google Ads

Previna-se contra fraudes de cliques que podem drenar seu orçamento de anúncios Criar e configurar uma campanha no Google Ads dá um baita trabalho, mas ter uma campanha rodando envolve um trabalho *ainda

Keslen Deléo

Keslen Deléo

Previna-se contra fraudes de cliques que podem drenar seu orçamento de anúncios

Criar e configurar uma campanha no Google Ads dá um baita trabalho, mas ter uma campanha rodando envolve um trabalho *ainda maior, *já que você precisa acompanhar e analisar todos os resultados para refinar os anúncios e aproveitar cada vez mais o orçamento disponível. Nesse ponto – e principalmente se o anúncio estiver rodando na rede de display –, pode ser que você tenha que lidar com os temidos cliques inválidos acabando com seu orçamento sem trazer resultados satisfatórios para a sua loja virtual. Para evitar dores de cabeça, vale saber melhor como ocorrem essas fraudes em cliques e como você pode se prevenir (sem ver seu rico dinheirinho indo pelo ralo).

O que são cliques inválidos?

Junto com as redes de busca e display do AdWords, em que você paga para exibir seu anúncio em páginas da Internet, há o AdSense – em que o Google paga para donos de sites pelo espaço em que aparecem os anúncios. Por isso, nada mais natural que os donos de páginas da web queiram tráfego e cliques no anúncios que exibem (é dinheiro no bolso, afinal). Nesse ponto – como sempre tem um espírito de porco na história – podem surgir fraudes: vários cliques manuais ou automatizados (por softwares ou robôs que a gente chama bots) com o objetivo de aumentar os lucros de proprietários das páginas que hospedam seus anúncios e/ou aumentar os custos de publicidade da sua campanha. O Google também considera inválidos cliques acidentais (como o segundo de um clique duplo num anúncio). Normalmente, eles filtram e analisam toda a atividade nas suas campanhas para identificar cliques inválidos e você não é cobrado por essa atividade (nesse vídeo, em inglês, eles explicam bem como isso funciona). Mesmo assim, é bom ficar de olho para detectar qualquer atividade suspeita e, assim, ajudar a manter suas campanhas e orçamento seguros – principalmente se você está anunciando na rede de Display, em que essas fraudes são bem mais comuns.

Como detectar atividades suspeitas em seus anúncios

É possível visualizar todos os dados de cliques inválidos que o Google detectou em suas campanhas e pelos quais, portanto, você não foi cobrado (eles explicam tudo direitinho aqui). Porém, nem sempre eles conseguem detectar todo tipo de atividade suspeita – isso porque, quando se trata da rede de display, não é raro encontrar pessoas que montam websites falsos, replicando conteúdo de qualquer lugar, só para terem lugar para anúncios (e, consequentemente, ganharem mais com AdSenses). Há casos tão descarados em que as páginas que exibem os anúncios nem mesmo são páginas (hackers, como lidar?), e por isso é necessário estar sempre de olho para detectar fraudes a tempo de pedir análise e ressarcimento por parte do Google.

Como fazer isso? Bem, além de acompanhar as estatísticas de cliques inválidos (aqueles pelos quais você não é cobrado), é importante estar sempre otimizando sua conta, principalmente com atenção à segmentação dos anúncios. Quanto mais segmentado, maior a chance de aumentar a taxa de conversão (já que você estará alcançando um público cada vez mais próximo do seu alvo) e menor a chance de atividade inválida nas campanhas. Utilizar e monitorar constantemente sua conta com o Google Analytics também é uma boa saída – e isso não só para prevenir fraudes, mas para ter uma noção mais ampla do seu negócio virtual (quem está comprando? de onde eles vêm? o que fazem, de que se alimentam etc. etc.). Finalmente, um dos pontos mais importantes dessa lista: monitorar especialmente a conversão da rede de display, já que é lá que esse tipo de fraude de clique acontece com mais frequência. É possível excluir sites da sua campanha (caso você identifique alguma atividade não muito confiável por lá), mas a recomendação caso a taxa de conversão não seja satisfatória é reduzir (ou *abandonar *logo) os anúncios da rede de display e concentrar esforços apenas na rede de pesquisa.

Mais links: Google sobre tráfego inválido (o que é, como detectar); Solução de problemas de cliques inválidos (vale sempre entrar em contato com o Google, já que eles oferecem ressarcimento se for verificada fraude); Como identificar cliques inválidos (em inglês).